Home Colunas Pare e Pense Tecnologia

Google Glass, mais um “Divisor de Águas” ?

Google Glass

A Crença popular afirma que as pessoas “normais” usam apenas 1 décimo do cérebro, mito ou verdade, tenho a impressão que toda essa informatização do mundo moderno  tem deixado essa geração meio “burra” e estou inteiramente incluído nisso.

Vou aqui cunhar um termo para ilustrar o que quero dizer, nossa geração é de “pensadores-indexadores” e desculpe se a etimologia estiver incorreta no termo que acabo de inventar, como afirmei, faço parte desse problema que suponho existe.

O que quero dizer que não estamos mais pensando, nosso sistema lógico está em pane, nossa memória está cheia de bugs, estamos atualmente apenas “catalogando” informações. Uma pessoa bastante conectada depende do seu celular, Smartphone para lembrar até das coisas mais simples. No computador estamos a todo momento com o Google aberto, estamos sim dependentes cada vez, as informações estão ficando cada vez mais indexadas em nosso cérebro.

Talvez por um conjunto de fatores do nosso cotidiano moderno ou pela facilidade que a informação está automatizada, antes, tínhamos apenas nossas agendas de papel e “post it“, agora temos um conjunto de ferramentas digitais que bem aplicadas tornam nossa produtividade excepcional,  entretanto não conseguimos nem ao menos trabalhar sem elas.

Com uma grosseira visão evoluímos da seguinte maneira: Ferramentas de Busca > Google > Smartphones > era iPhone e suponho que vamos entrar na era: “Google Glass“. A era iPhone eu estou incluindo todas as ferramentas que ficaram populares como Evernote, Dropbox, Pocket e muitas outras.

Em nossos Smartphones já temos tudo a mão, atualmente só consigo lembrar o nome das pessoas que convivo frequentemente, e maioria das pessoas eu nem me recordo como as conheci e muito menos onde as conheci, talvez por que tenha bebido muito no dia ( TOMARA! ) ou porque talvez eu tenha conhecido muitas pessoas no dia, o mundo moderno também nos traz um “stress” de informação

Google Glass: A era Glass!?

Lembro de um vídeo mostrando um conceito de realidade aumentada, onde o protagonista ao ver as pessoas, o sistema mostrava o perfil das mesmas em redes sociais e também algumas informações. Será que o Google Glass vai ser mais um “divisor de águas” ? Será que o google vai mais uma vez demarcar uma geração ? Será que finalmente a humanidade vai ficar dependente da tecnologia ?

2 COMMENTS

  1. Assunto interessante e que DEVE ser debatido numa mesa de bar!
    Uma vez eu ouvi dizer que memorizar coisas simples como CPF, RG e Telefones faz mal para o cérebro. Não vou entrar muito na discussão disso, mas até que ponto é realmente ruim ter um objeto/sistema que armazene esse tipo de coisa pra mim? Por que ver essa “dependência” de tecnologia como algo ruim, se com ela, podemos gastar nossas energias com outras coisas?

  2. Para os mais antigos que viveram a epoca em que o acesso a informações era realizado atravez de livros, revistas e jornais, a facilidade de acesso a informações que nos é proporcionada pelas tecnologia e suas ferramentas é apenas um complemento, como eu sempre gosto de dizer, se deixar logo todos não guardaremos mais nada na mente..

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here