Home Internet

Microsoft alerta que o Edge é mais seguro que a concorrência

O Edge, o browser da Microsoft mais recente, está sendo testado pela Microsoft para mostrar a qualidade das suas aplicações. Para isso, tem sido diversas vezes usado para mostrar que é melhor que as ofertas da procura do mercado.

Mas para além das comparações diretas, a Microsoft usa também o Windows 10 para fazer essas comparações. Para isso, é utilizado o sistema de alertas deste Sistema Operacional que recomeçou, agora, com alertas referentes à segurança.

Têm sido muitas as comparações feitas entre o Edge e os browsers concorrentes. O foco tem sido nos consumo de bateria e na sua eficiência energética, mas outras áreas têm sido também abordadas.

Para relembrar aos utilizadores a capacidades do Edge a Microsoft tem recorrido a um sistema de notificações do Windows 10, que, diretamente da barra de tarefas, permite mostrar informações aos usuários.

Depois dos bem conhecidos alertas de consumos de bateria, surgem agora notificações sobre a segurança do Edge, comparando-o diretamente com a concorrência. Estes alertas surgem quando os usuários usam outros browsers que não o Edge e mostram que o browser da Microsoft é 21% mais eficiente para bloquear situações de “engenharia social” para obter dados dos utilizadores.

altera-edge

Estes alertas começaram a surgir no início do mês passado, segundo a Microsoft não se limita ao Firefox, existindo também notificações similares para quando o Chrome é usado.

Como desativar os alertas do Edge

Estas são notificações que o Windows 10 pode apresentar e pretendem dar informações aos usuários que a Microsoft considera úteis e importantes.

Todos os usuários do Windows 10 que não queiram usar podem desativá-las de forma simples. Basta acessarem Definições -> Sistema -> Notificações e ações.

edge_alerta_jpg

Procurem depois pela opção que dá acesso a dicas, truques e sugestões e desativem-na também. De imediato estas pequenas dicas deixam de aparecer.

Estas notificações, que a Microsoft entendem ser úteis para os usuários, são usadas por outros parceiros, como o Facebook, que recentemente mostrou informações sobre os seus vídeos. Já a Microsoft tem as usado para promover os seus produtos, o que não tem tido boa aceitação pelos usuários.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here