Home Internet Redes Sociais

Facebook poderia ter sido comprado pela Microsoft

Em entrevista à CNBC, Steve Ballmer, revelou que a considerável compra do Facebook por parte da Microsoft foi um negócio que esteve prestes a acontecer,durante a época que ainda era CEO da empresa de Bill Gates, pelo o que sabemos entre 2000 e 2014, e o Facebook ainda não tinha a dimensão dos dias atuais.

A proposta passaria por adquirir uma pequena parte da empresa por 15 milhões de dólares e, a cada seis meses, adquirir mais 5%, até à aquisição completa, que deveria demorar entre 5 a 7 anos.

Mas claramente Zuckerberg não cedeu à oferta dos milhões!

Foram 24 mil milhões de dólares o valor estimado que Ballmer indicou pela compra total da empresa, Facebook, que acabou não acontecendo. Na verdade, a proposta havia sido a segunda tentativa da Microsoft de compra do Facebook e Zuckerberg nunca cedeu. Zuckerberg sabia que estava sendo construído um império e nunca cedeu a nenhuma tentativa de aquisição do seu negócio.

Quando Ballmer foi questionado sobre o porquê do negócio não se ter concretizado ele apenas referiu que Zuckerberg não quis e que ele respeitava isso.

A decisão de Zuckerberg parece ter sido a mais certa. Hoje o Facebook está avaliado em 374 bilhões de dólares, exatamente quinze vezes a mais a oferta feita pela Microsoft, e Zuckerberg, segundo a Forbes, é atualmente a 4ª pessoa mais rica do mundo, com um patrimônio líquido de 28 bilhões de dólares.

Durante a entrevista à CNBC Ballmer também revelou que, apesar das especulações, ele nunca quis comprar o Twitter. Houve rumores de que os principais acionistas do Twitter e Ballmer e príncipe saudita Al-Waleed bin Talal, ambos, estavam interessados em fazer uma oferta da empresa, mas ele negou durante a entrevista qualquer interesse na empresa Twitter.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here