Home Internet Redes Sociais

YouTube TV: Será lançada nos EUA

Muitos jovens nos EUA já adquiriram a mudança de usar uma TV por um serviço de streaming, visando a busca por mais pessoas conectadas ao servido o YouTube lançou em cinco cidades a versão de Streaming TV.
Já foi provado que a quantidade de tempo que as pessoas passam assistindo TV vem caído constantemente no últimos seis anos, enquanto a procurar pelos serviços de streaming de vídeo tem crescido a um ritmo “torrencial”. E obviamente, este grupo de pessoas não procuram mais serviços de TV por assinatura e por muitas vezes até possuir um aparelho de TV (Sou uma dessas pessoas! XD Não uso / assisto mais TV a mais de 2 anos e todos os canais para noticia e entretenimento que utilizo são via computador.).


Então eis que surge a YouTube TV, uma tentativa de casar a plataforma mais popular do mundo para streaming de vídeo com a programação da televisão tradicional. Por US $ 35 por mês, os assinantes terão acesso às quatro principais redes de transmissão e um pacote de mais de 40 canais a cabo, incluindo importantes canais esportivos como a ESPN e a Fox Sports 1.

Sem duvidas existem diversas lacunas na oferta atual do YouTube TV. Mas, por enquanto o objetivo é capturar a atenção de jovens inconstantes, o serviço não vai levar canais da Viacom como MTV ou Comedy Central, pelo menos não por enquanto. Existe a possibilidade de assinatura do Showtime por um custo adicional, mas ainda nada feito com a HBO.

No lançamento, o serviço só será oferecido em Los Angeles, Nova York, Chicago, Filadélfia e na área da Baía de São Francisco, com a promessa de que em breve; O YouTube estará trabalhando em acordos com filiais locais em cidades dos Estados Unidos e quem sabe abranger mundialmente está oferta de serviço.

Pelos US $ 35 por mês, o YouTube TV oferecerá feeds lineares ao vivo, como os da Disney (ABC), NBCUniversal, CBS, Fox e AMC Networks.
A disponibilidade pode variar de acordo com o mercado. As estações marcadas com um asterisco (*) estão programadas para chegar, mas não estarão disponíveis no lançamento.

Canais que estarão na listagem:
ESPN, ESPN2, ESPN3 *, ESPNU, ESPNews, Rede SEC, Disney Channel, Disney Junior, Disney XD, Freeform, CNBC, E!, Golf Channel, MSNBC, Universo*, NBCSN, Oxygen, Sprout, SyFy, Universal HD, USA, NECN (New England Cable News), CBS Sports Network, FS1 (Fox Sports 1), FS2 (Fox Sports 2), BTN (Big Ten Network), FX, FXX, FXM, Nat Geo, Nat Geo Wild, Fox News, Fox Business; Dentre outros ainda não confirmados.

o YouTube está vendo esta oportunidade como uma chance de estabelecer um relacionamento de pagamento com os usuários que sempre pensaram no serviço como um lugar para obter entretenimento gratuito. O YouTube obtém os dados sobre padrões de uso e visualização que podem ser alavancados para atrair e direcionar os futuros clientes, o que tornará essa jogada de marketing em uma sensação atrativa para seus usuários que poderão economizar com pagamento de TV a cabo para assistir conteúdos privados.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here